• guarda4.jpg
  • csnsc1.jpg
  • 18.jpg
  • 12.jpg
  • guarda2.jpg
  • 4.jpg
  • parede4.jpg
  • condeixa2.jpg
  • 24.jpg
  • idanha3.jpg
  • idanha1.jpg
  • 2.jpg
  • guarda1.jpg
  • lisboa1.jpg
  • braga1.jpg
  • 20.jpg
  • 10.jpg
  • 22.jpg
  • 6.jpg
  • 16.jpg
  • 8.jpg
  • braga3.jpg
  • lisboa2.jpg
  • assumar4.jpg
  • condeixa3.jpg
  • parede1.jpg
  • 14.jpg
  • parede2.jpg
  • braga2.jpg
  • sgoncalo1.jpg
  • assumar2.jpg
  • assumar3.jpg

Mensagem de Natal Superiora Provincial

“Com o nascimento de Jesus tudo muda (…). Não há lugar para a dúvida (…) não há espaço para a indiferença, que domina o coração de quem é incapaz de amar, porque tem medo de perder alguma coisa.” (Papa Francisco)

 

A todos os membros da comunidade Hospitaleira a minha saudação fraterna e natalícia!

 

Queridos amigos todos

Aproxima-se a passos largos o Natal e vamo-nos apercebendo que tudo à nossa volta o revela: as luzes, o enfeite das ruas e lojas, as músicas e tantos outros sinais de alegria que nos revelam que este não é um tempo qualquer. É um tempo que antecede algo importante…

Esperamos uma nova Vida. Esperamos Jesus. É Jesus o motivo pelo qual existe Natal. Jesus nasce no mundo e para ao mundo, como sinal do amor de Deus pela humanidade. Revela-nos, deste modo, que quer estar connosco, viver connosco e fazer parte de nós, da nossa vida, do nosso mundo.

Façamos nós, comunidade Hospitaleira, memória do original fundamento desta celebração: Jesus! Ele é o excluído. Pelo seu nascimento fora das portas da cidade, para estar próximo dos excluídos do tempo: os pastores. Pelo seu acolhimento numa gruta e numa manjedoura, para estar próximo dos pobres desse tempo.

Na exclusão e na pobreza em que nasce Jesus, Deus nos quer revelar que Ele não é alguém longínquo e inalcançável, mas uma presença viva que nos quer acompanhar e fazer parte da nossa vida, não deixando ninguém de fora.

A realidade da nossa missão é, tantas vezes, precisamente este lugar de exclusão.

Saibamos, neste Natal, colher a sabedoria e a Hospitalidade dos pastores que vão ao encontro d’Ele.São também eles pobres, sem bens e sem riquezas, mas ricos em proximidade e acolhimento.

Que Jesus possa nascer no coração de cada um, para que cada um leve Jesus ao coração de quem não o conhece como Deus próximo e Hospitaleiro.

Para todos os meus votos de Festas Felizes, tendo no centro o seu Centro: Jesus. E que o ano de 2019 traga a todos a bênção de Deus e a concretização dos seus melhores desejos.

 

Braga, 13 de Dezembro de 2018

 

A Superiora Provincial

Sílvia Maria de Carvalho Moreira

 


Agenda

Banner 1
Sem Eventos

© Copyright 2019, Irmãs Hospitaleiras. Todos os direitos reservados.

R. Prof. Luís Cunha Gonçalves, n.º 5 – 1.º Esq | 1600–826 Lisboa - Portugal
Telefone: 217 108 140 • E-mail: instituto.sede@irmashospitaleiras.pt •