Angola

 

A presença hospitaleira em Angola iniciou-se em outubro de 2006, em Lubango, província da Huíla, com uma fase de estudo da realidade e diagnóstico das necessidades de saúde mental, o que contribuiu para a definição do projeto missionário hospitaleiro naquela região.

A missão caracteriza-se por uma intervenção comunitária de acompanhamento a pessoas com problemas de saúde mental e suas famílias, consulta de enfermagem psiquiátrica, visitas domiciliárias, sensibilização e formação, e ainda atividades de reabilitação ocupacional.

Privilegiando a proximidade às populações e a articulação com as entidades locais de saúde e sociais, este projeto tem contribuído para uma maior sensibilidade para o acolhimento e acompanhamento das pessoas com problemas de doença mental.